Dona Ivone Lara morre no Rio de Janeiro; corpo da Dama do Samba é enterrado repleto de homenagens

Dona Ivone Lara morre no Rio de Janeiro; corpo da Dama do Samba é enterrado repleto de homenagens

Grande Dama do Samba, a cantora e compositora Yvonne Lara da Costa, nossa querida Dona Ivone Lara, morreu na noite da última segunda-feira (16), no Rio de Janeiro, vítima de um quadro de insuficiência cardiorrespiratória. Internada desde o dia 13, data em que completou 97 anos, a sambista carioca foi enterrada sob aplausos nesta terça (17), no Cemitério de Inhaúma, na capital Fluminense.

O velório de Dona Ivone aconteceu na quadra da escola de samba Império Serrano com diversos amigos e fãs prestando homenagens para a 1ª dama do samba e cantando os grandes sucessos da carreira da cantora. O caixão, colocado no meio da quadra, recebeu a bandeira do Império e do América, time de coração da sambista. Na saída do cemitério, aliás, todos os presentes cantaram “Aquarela Brasileira”, como uma última homenagem a escola do coração de Ivone.

A cantora Alcione e o sambista Marquinhos de Oswaldo Cruz foram um dos presentes que mais se emocionaram com o velório e o enterro da amiga.

Dona Ivone Lara já vinha apresentando um quadro de anemia e precisou receber doações de sangue. O estado de saúde dela já era considerado bastante grave.

Dúvidas sobre a idade

De acordo com o jornalista Mauro Ferreira, a Dama do Samba nasceu em 1922, não em 1921, sendo assim ela faleceu com 96 e não 97 anos. A data de nascimento usada até hoje, no entanto, só aparece para todos pois a mãe da artista, em 1932, alterou os dados para que ela pudesse ser admitida em colégio interno, cuja idade mínima para o ingresso era 11 anos. O ano de 1921 passou a constar até nos documentos de Ivone, mas ela nasceu de fato em 13 de abril de 1922. Essa questão já foi esclarecida na biografia de Ivone.

About author

Luiz Teixeira
Luiz Teixeira 272 posts

Luiz Teixeira, 29 anos, é formado em jornalismo, com especialização em produção e apresentação de telejornal, pela Universidade Anhembi Morumbi no ano de 2009. Trabalha desde 2007 na área e atualmente é repórter da Rádio Band News FM, de São Paulo. Natural de Taboão da Serra-SP, criou o site Samba & Pagode depois de um papo entre amigos do meio musical, assessores de imprensa, cantores e músicos. Viva o Samba!

Também recomendamos

Arlindo Cruz é transferido para unidade semi-intensiva e deixa CTI após 2 meses internado

Após pouco mais de dois meses internado no CTI da Casa de Saúde São José, no Humaitá, Zona Sul do Rio, o cantor Arlindo Cruz deixou o CTI e passou

Reedição do projeto Samba Cura reúne os maiores nomes do samba em evento cheio de homenagens

Projeto idealizado pelo cantor, músico e compositor Leandro Lehart em 1997, o Samba Cura, junção dos principais nomes do samba e do pagode do país para a gravação de uma

Belo quebra silêncio e desabafa sobre saída do ‘Gigantes do Samba’: “Errei e peço perdão”

O silêncio do cantor Belo sobre sua saída do projeto Gigantes do Samba II (relembre aqui) durou apenas três dias. O pagodeiro resolveu se pronunciar usando seus perfis nas redes

0 Comments

Não há comentários ainda

Você pode ser o primeiro a Comentar este post